O Diabo Existe

Data de postagem: 31 de maio de 2019

O Diabo Existe

O livro de Napoleon Hill “Mais esperto que o Diabo”, traduzido para o Brasil por Marcial Conte Jr., traz uma série de reflexões sobre as “Diabolices” do mundo.  Verdade para alguns e mentira para outros, posso afirmar, depois de tudo que li e vivi, que o Diabo existe! Já estive frente a frente com ele, mas quem nunca esteve?

O Diabo existe! Longe da caricatura de uma besta com chifres, corpo vermelho, rabo com ponta de seta e um tridente na mão, ele não possui carne e nem poderia. Está presente em tudo o que é negativo e qualquer forma física só prejudicaria sua atuação.

O Diabo existe em forma de energia e o medo é uma das suas armas. Planta nas mentes pensamentos negativos abstratos para posteriormente controlá-las. Segundo ele, tem sucesso com 98% das pessoas. Os medos mais comuns são: medo da pobreza, da crítica, da perda da saúde, da perda do amor, da velhice e da morte.

O Diabo existe na mente dos alienados. Alienado é quem não pensa, ou tem preguiça de pensar. É aquele que aceita sua vida sem lutar por nada melhor. Fala muito, mas não diz nada repete o que escuta sem criticidade. É o pobre que coloca a fortuna a serviço da avareza, mesquinharia.

O Diabo existe e se materializa. Está nos maus hábitos, droga, álcool, cigarro, no vício de querer ser o que não é. Na luxúria, nas tentações mundanas, nas negociatas, na superstição, na avareza, na ganância, vingança, raiva, vaidade, preguiça.

O Diabo existe. Se faz presente nos maus exemplos e manipulações de alguns programas de TV. Nos fakes, nos maus políticos. No desfazimento das famílias. Nos maus professores que se esquecem que são exemplos e que optam em não ensinar. É o que não ajuda a evoluir.

O Diabo existe e tem oposição. Deus representa o lado positivo de tudo. O amor, a fé, a esperança, o otimismo, a positividade das leis da natureza e do mundo. Está na tranquilidade da vida, prosperidade, alegria, felicidade. É a vibração positiva inspirada por gente que pensa por si só e incentiva o pensamento livre, boas iniciativas, honestidade.

O Diabo existe e para evoluirmos precisamos vencê-lo. Vencer o Diabo é vencer a si mesmo. Pensar, trabalhar, ser próspero. Eliminar a negatividade dos hábitos e pensamentos. Ser bom exemplo. E quando começamos a entender o verdadeiro sentido da evolução, cultivamos uma alegria incomensurável.

A alegria é a prova e o indicador de desempenho da presença de Deus na vida. A falta dela, sinaliza que a oposição anda povoando a mente e sugando o fluxo vital.  O Diabo existe! Já o vi nas sombras da depressão, da tristeza, do medo, do sofrimento, no desespero, na impotência, na insegurança, na desvalorização e de toda a negatividade que existe por aí.

PROFESSORSAUL
Escritor, Consultor e Palestrante

Comment (1)

  • Priscila Resposta

    Parabéns pelo texto Professor Saul! Inspirador e reflexivo!

    14 de junho de 2019 em 08:57

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ATENDIMENTO IMEDIATO:
- Chame no WhatsApp
- Apenas um clique

FALE CONOSCO PELO WHATSAPP